O PRÓXIMO PASSO PARA

(FINALMENTE)

COMEÇAR SEU ECOMMERCE

logo enp

Treinamento por Bruno de Oliveira

Empreendedor no Segmento de Ecommerce desde 2000, CEO do Ecommerce na Prática e especialista com mais de 20 anos de experiência em comércio físico e digital. Já ajudou mais de 20000 empresários a alavancarem seus negócios com seus Treinamentos e Palestras.

Preciso ser honesto com você:

Qualquer pessoa pode encontrar um fornecedor na internet. Em uma pesquisa de 5 segundos no Google, se você digitar “fornecedor”, vai encontrar uma lista enorme com várias opções. Porque encontrar fornecedores é um trabalho simples.

O difícil é encontrar BONS fornecedores. E, com isso, quero dizer: aqueles que serão parceiros do seu negócio, que não vão te deixar na mão, com bons preços e condições de pagamento. Te permitindo ter uma boa margem de lucro e preços competitivos no mercado. Se você tem um Ecommerce, provavelmente já sabe o quão valioso um parceiro desses é para o negócio.

Se você está começando seu planejamento, vou esclarecer:

Este é o tipo de fornecedor pelo qual todos os donos e donas de negócio que já conheci buscam dia e noite, porque eles sabem que um fornecedor ruim pode acabar com a empresa. Mas, com o Guia que te entregamos, você pode riscar esta tarefa da sua lista. Porque você já tem em mãos um verdadeiro Guia de Onde Encontrar os Melhores Fornecedores do País. Ou seja: você está um passo mais perto de tirar sua ideia do papel e engatar as engrenagens para fazer seu Ecommerce rodar da maneira certa.

No entanto, ainda tem alguns pilares que você não pode ignorar se pretende criar um Ecommerce sólido e lucrativo. Ainda que fornecedor ruim possa atrapalhar seus resultados, ter um bom fornecedor não será a única solução para os seus problemas. Com isso, quero dizer que ter um bom fornecedor não significa que seu Ecommerce está pronto para rodar.

Mas não desanime. Porque vou te mostrar aqui quais são os próximos passos para finalmente começar seu Ecommerce. Só que, antes, quero que você tenha em mente o seguinte…

Se olharmos o crescimento do Ecommerce ao longo dos últimos anos, essa é a curva. Que representa um crescimento acima dos 10% ao ano. Só no primeiro trimestre de 2020, para você ter uma noção, o relatório NeoTrust, do movimento Compre&Confie, mostrou um crescimento de 26,7% com relação ao ano anterior.

Representando mais de 20 bilhões de reais em faturamento

Esse é um mercado que pode te dar a oportunidade de dar uma virada na sua vida, te permitindo não só trabalhar de casa e ser seu próprio chefe. Mas ter a Liberdade Financeira e capacidade de construir um verdadeiro patrimônio para você e sua família.

Só que isso só vai acontecer se você tiver comprometimento.

Esse é um dos segredos das pessoas que têm resultados lucrativos vendendo na internet (o outro segredo eu vou te mostrar daqui a pouco). Então, se você realmente quer abocanhar uma parte deste faturamento bilionário que o Ecommerce tem. Se quer criar seu próprio Negócio e fazê-lo ganhar espaço na internet…

Se está comprometido a mudar de vida. Sugiro que preste atenção nas minhas próximas palavras: Você pode.

Não estou tentando ser coach motivacional ou nada parecido. É que eu já VI isso acontecer com os mais de 20 mil alunos do Ecommerce na Prática. Aqui está um exemplo dos irmãos Duarte, que mudaram de vida por meio do Ecommerce.

E agora vou te mostrar COMO eles conseguiram…

Como criar um Ecommerce do Zero: Seus Próximos Passos

Lembra que eu falei que empresas que têm sucesso vendendo na internet possuem 2 segredos? Este é o segundo segredo: Essas empresas foram constituídas por pessoas que foram atrás de conhecimento. Ninguém chega ao sucesso sem isso. E eu acredito que você chegou até aqui porque, mesmo que de forma inconsciente, também sabe que precisa de conhecimento para chegar onde deseja. Ao longo dos meus mais de 20 anos de experiência em Comércio Físico e Digital, eu testei – e ainda testo – uma porção de estratégias, abordagens, planos. E condensei esse conhecimento que adquiri com os anos em passos 6 passos fundamentais para qualquer pessoa criar um Ecommerce do Zero. Esses passos foram estruturados com foco total em vendas online, considerando tudo o que é realmente importante por aqui. Esses passos já ajudaram mais de 20 mil alunos a tirarem ideias do papel e transformarem em Ecommerces sólidos e lucrativos. E agora vou abrir para você.

Essa é a estrutura desses 6 passos. Normalmente, eu não abro essa estrutura assim para todo mundo. Mas achei que seria melhor mostrar todo o fluxo para você entender exatamente o que deve fazer. Talvez pareça confuso agora, mas vou falar mais sobre cada passo aqui.

1. Planejamento

Uma coisa que gosto muito de dizer é que a melhor ideia do mundo, sem um plano de execução, não vale nada.  Então é claro que o planejamento é a primeira etapa. Mas ATENÇÃO: NÃO é um planejamento extremamente elaborado, com milhares de páginas. É algo mais simples e focado no que realmente vai precisar para começar seu Ecommerce do Zero. E ele começa com a definição do seu nicho, fornecedores e persona. Não tem como começar sem isso.

    • Escolha o seu nicho

Agora que decidiu abrir um Ecommerce, é a hora de decidir quais produtos você vai vender online. Pode ser produtos que já tem em casa, como falei antes, ou pode vender algo novo. E também pode começar a empreender em um ramo com o qual você já tenha algum tipo de afinidade… ou escolher algo totalmente diferente. Obviamente, começar um Ecommerce do Zero em um segmento que você já conhece torna o processo mais simples, mas não é obrigatório.

O que realmente importa na hora de escolher o nicho em que você vai atuar é saber como é a demanda para aquele setor.

Basicamente, é possível vender de tudo na internet. Qualquer produto que você escolher tem potencial de venda. Mas, sendo sincero, existem alguns que são menos recomendados para quem está começando. Por exemplo: Vender roupas exige um investimento menor do que vender eletrodomésticos. E vender produtos para maiores, como cigarros importados, é mais complicado do que trabalhar com perfumaria. Esses são alguns exemplos de questões que devem ser levados em conta.

Há outros fatores, como: “O produto pode ser entregue pelos Correios?” Há restrições no serviço prestado pelos Correios. Por isso, é importante se informar antes de tomar a decisão. Pesquise opções de nichos e produtos e selecione pelo menos 10 opções. A partir daí, tente entender o que melhor se encaixa na sua realidade.

Se MESMO assim você não faça a menor ideia do que vai vender… tem um segredo para descobrir essa resposta. Vou contar sobre isso mais tarde.

 

    • Encontre fornecedores

Depois de escolher o produto para vender, é hora de definir quem vai te fornecer o produto (ou a matéria-prima). Com a Lista de Fornecedores que te dei antes, essa parte você já quase concluiu. Mas vou te revelar uma coisa aqui: na hora de escolher, não se atente apenas ao preço. Leve em conta a qualidade do produto, as opções de pagamento e tempo de entrega. Apresente-se, mostre o potencial da sua empresa (mesmo que ela ainda nem tenha começado) e negocie as melhores condições. Isso vai te ajudar a fazer boas parcerias.

 

    • Defina a Persona

A persona da sua marca é o cliente ideal do seu negócio. E não basta pensar em “mulheres de 20 a 40 anos que gostam de culinária”, por exemplo. Você tem que se aprofundar na análise da sua persona, entendendo de fato quem ela é, quais são suas dores, seus sonhos, seus desejos, seus valores…

Enfim, você precisa saber absolutamente TUDO sobre sua persona. Quanto mais informações, melhor. A ideia é criar um avatar, um cliente ideal com o qual a sua empresa vai se relacionar diariamente. É para esse cliente que você vai direcionar sua comunicação, suas ofertas e os seus produtos. Sempre. Não tem como começar sem isso.

2. Estrutura do Negócio

Feito o planejamento base, vamos passar para a fase de estruturação. E dá pra fazer isso da sua própria casa. É o que você vai precisar para colocar esse Ecommerce para funcionar.

    • Criar um MEI

É fundamental que você já comece seu negócio de forma legalizada. Uma opção interessante e bem simples é o MEI (Microempreendedor Individual). Essa modalidade tem impostos simplificados e é bem mais fácil para começar um Ecommerce do Zero, porque você pode fazer de casa, de forma rápida.

    • Criar uma marca

Você precisa ter uma imagem profissional para passar a confiança necessária para fazer vendas recorrentes. Esse é um passo fundamental para o seu negócio. Por isso, pense em um nome que tenha apelo e que se relacione com o seu propósito. 

Depois, verifique se este já é um nome utilizado e se o domínio está livre (ainda que a ideia não seja abrir um site agora). Invista tempo para escolher as cores e a identidade visual da sua nova marca. Muitas pessoas acabam negligenciando essa etapa, o que é um grande erro. Uma marca bem pensada e com uma estética coerente faz a sua empresa vender mais, enquanto uma marca com aparência amadora afasta os clientes de você.

 

    • Crie contas profissionais

Para alcançar seu público, você vai precisar estar onde eles estão. Quando falamos de Ecommerce, existem três canais que são absolutamente indispensáveis:

– Facebook

– Instagram

– Mercado Livre (ou outro marketplace da sua opção)

Por isso, crie uma conta profissional em cada uma dessas plataformas. Indico o Mercado Livre porque é o maior marketplace do Brasil, com uma audiência incrível, preparada para comprar de você. O Facebook e o Instagram são as redes sociais com maior alcance do mundo. Lá, você poderá criar contas profissionais e ter uma loja simples para chegar até o seu público. Esses são canais fundamentais não apenas para gerar vendas, mas para adquirir novos clientes e manter seu relacionamento com eles.

 

    • Canais de Pagamento

Para ter um Ecommerce, é necessário que as vendas sejam feitas e finalizadas online. Isso significa que o pagamento deve ser feito pela internet também. Para que a sua empresa consiga finalizar as transações, uma boa opção é o Mercado Pago, que é a ferramenta do Mercado Livre criada para gerenciar pagamentos. Já está tudo automaticamente associado, então você não vai ter muito trabalho com isso.

    • Canais de Envios

Depois de fazer as vendas, é necessário enviar o produto para o comprador. É sua responsabilidade pensar nessa logística de envio do produto. Inclusive, é importante você se informar sobre os preços do serviço de entrega para que possa calcular corretamente o preço dos produtos.

Para quem quer começar um Ecommerce do Zero e vende produto físico, há duas saídas simples: os Correios e o Mercado Envios. Estude em quais situações cada uma dessas opções é mais vantajosa para o seu negócio, entre em contato com as empresas responsáveis e garanta o máximo de eficiência nas entregas.

O Mercado Envios, por exemplo, já é uma opção que o Mercado Livre disponibiliza para você. Se optar por utilizá-la, você paga um valor à parte pela entrega caso dê frete grátis para o seu cliente. Este valor diminui à medida que você alcança medalhas no Mercado Livre, o que acontece com base na quantidade de vendas, qualidade do serviço que oferece e faturamento que você gera.

3. Audiência

    • Gerar conteúdo

A audiência é uma peça-chave para o seu negócio, porque consiste no público que você vai alcançar para conseguir vender os seus produtos. E como você consegue alcançar novos clientes em potencial e manter os que você já tem? A melhor forma de fazer isso é criando conteúdo de valor. 

Ou, de forma mais simples, postagens em redes sociais que sejam interessantes para as pessoas. Use as redes sociais para criar conteúdo que conscientize o seu cliente sobre o seu produto e os benefícios que ele traz, aborde assuntos que engajem seu público e o faça interagir com a sua marca.

Essa é a melhor forma de construir um bom relacionamento ao mesmo tempo em que consegue trazer novos clientes para o seu Ecommerce.

4. Vendas

Agora que você já definiu a estrutura e a estratégia do seu negócio, é o momento de realizar as vendas. O Mercado Livre é o canal mais recomendado para quem está começando. Por ser o maior marketplace do país, sua empresa conseguirá impactar um público imenso e terá compradores em potencial de todo o Brasil.

Mas você não precisa se limitar a vender no Mercado Livre. Há outros marketplaces em que você pode atuar também, como Americanas.com, Magalu, Netshoes, Amazon, etc. Além disso, é fundamental que você configure a loja virtual do Facebook. Use sua conta profissional para começar a vender pelas redes sociais, que são canais gratuitos.

Como essa loja se integra com o Instagram, você conseguirá fazer vendas pelas três plataformas que foram mencionadas anteriormente: Facebook, Instagram e Mercado Livre. Com essa estrutura mínima, é possível vender regularmente e colocar o seu negócio no caminho certo para o sucesso!

5. Canais de Atendimento

O atendimento ao cliente é um dos principais diferenciais que influenciam na decisão de compra de uma pessoa. Especialmente nas redes sociais, em que boas e más experiências são compartilhadas em questão de segundos, saber se relacionar com seu público é absolutamente indispensável. Para garantir a satisfação do seu cliente, sua marca precisa estar presente nos principais canais.

O básico é ter uma conta de email profissional, onde você pode tirar dúvidas e resolver qualquer tipo de problema que possa ter. Esse é um canal oficial, que muitos compradores preferem acionar quando tem alguma reclamação ou pedido especial. Além da conta de email da sua loja, é muito importante disponibilizar um número de Whatsapp.

Dessa forma, o cliente pode tirar dúvidas rápidas e sentir que sua empresa está disponível para ele. Um Ecommerce que não tem Whatsapp ativo passa a ideia de ser burocrático, o que pode impactar as vendas de forma negativa. Isso facilita a comunicação com seu público e torna sua empresa mais acessível. Além de serem oportunidades claras de vender, a velocidade com a qual você responde os comentários também influencia na sua reputação dentro da plataforma.

Ou seja: não dar atenção aos comentários vai te fazer perder oportunidades e ainda afeta a forma com que possíveis novos compradores olham para a sua empresa.

6. Impulsão

No passo 4, falei um pouco sobre conteúdo que valor que você deve criar para engajar a sua audiência. Esse conteúdo vai precisar ser impulsionado para que o seu negócio alcance mais pessoas. Sem a impulsão, uma publicação só alcança em torno de 10% das pessoas que seguem a sua página no Facebook. Para que o seu negócio vá longe, é importante multiplicar este número, de modo que mais gente veja seus posts.

Você pode impulsionar todas postagens, se desejar. Mas a impulsão deve ser obrigatória quando se tratar de um post de conversão. Para isso, você vai precisar diferenciar os seus conteúdos gerais (com finalidade de engajar e dar valor para o seus seguidores) dos posts de conversão (têm a finalidade de venda propriamente dita, uma oferta direta ou que tenha gancho para uma oferta de produto).

Os posts de conversão são ótimos para você impulsionar dentro do Facebook, porque têm o potencial de tornar meros seguidores em clientes de imediato. Além disso, você vai precisar criar anúncios tanto no Mercado Livre quanto nos seus canais de audiência. Os anúncios são cruciais para aumentar o público impactado por seus conteúdos e ofertas, trazendo mais pessoas para a sua loja e tornando-a mais conhecida.

Mas não se preocupe: no Mercado Livre (e na maior parte dos marketplaces no Brasil), você só paga por esses anúncios se fizer venda. Então não tem como sair no prejuízo…

Seguindo esses passos, você pode criar um Ecommerce sólido e lucrativo

Com esses 6 passos que te mostrei, você será capaz de criar um Ecommerce do Zero, fazer vendas recorrentes e validar sua estrutura. Esses mesmos passos têm sido usados por mais de 20 mil empreendedores e empreendedoras ao redor do Brasil para faturarem, em média, 10 mil reais por mês… E tem gente que ganha muito mais… 200 mil… 500 mil…

A Tamires, que vende cosméticos naturais e itens de higiene, é um desses casos.

Trouxe isso aqui para o caso de você ainda ter dúvidas sobre o potencial lucrativo do Ecommerce e a eficácia desses passos que te mostrei.

Tenho aqui vários outros casos como esse…

Se você agir agora, também pode se tornar um desses casos. E vou te contar mais uma coisa importante, que pode te ajudar a finalmente dar o primeiro passo para conseguir sua liberdade financeira, para viver a vida do seu jeito… Você tem agora dois caminhos que pode escolher… Não se preocupe, os dois podem te levar ao sucesso.Você já tem todas as ferramentas para chegar lá.

Mas vamos às opções. A primeira é você pegar esses 6 passos e começar a aplicar por conta própria, imediatamente. Se você seguir isso à risca, vai conseguir ter um negócio validado e lucrativo.  Entretanto, isso pode demorar um pouco. A maioria das pessoas que seguem por esse caminho demoram anos para ter os resultados que precisam (eu passei por isso…). Esse tempo é porque você precisará de muitos testes, erros e acertos para aperfeiçoar a sua performance.

 

É aí que entra o segundo caminho:

Em vez de fazer tudo por conta própria, você pode ter acesso a um método testado e comprovado por mais de 20 mil pessoas. Que segue a mesma linha que você viu aqui, esses 6 passos, só que de forma muito mais aprofundada, com cada etapa sendo mostrada de forma detalhada, exemplos práticos e acompanhamento para você tirar qualquer dúvida que surgir pelo caminho. E mais: você nem mesmo precisa ter uma ideia do que vai vender.

 

Esse método vai te ensinar todos os segredos para entender quais são melhores produtos para se vender na internet. E, a partir disso, esse método vai te ajudar, passo a passo, a criar e alavancar seu Ecommerce partindo do absoluto Zero… e chegando aos 10 mil em vendas na internet.

Todo esse método está dentro do Treinamento Ecommerce do Zero, que criei especialmente para pessoas como você, com base nos meus mais de 20 anos de experiência. Nesse treinamento totalmente online, você terá videoaulas detalhadas sobre como passar por cada um desses passos de forma eficiente. Ele vai ser o seu “mapa” para construir um negócio que vende TODOS OS DIAS. São 6 etapas simples que você vai aprender a colocar em prática para alcançar 10 mil de faturamento em apenas 90 dias:

✔️ Planejamento:

A primeira etapa é escolher o que vai vender e de quem vai comprar. Você vai ver como encontrar os produtos que praticamente se vendem sozinhos, sem precisar de estoque nem se preocupar com burocracias.

✔️ Estrutura:

Aqui, eu vou te mostrar como montar a estrutura mínima necessária para fazer o seu negócio vender de forma recorrente. São ações simples para você criar a sua própria máquina de vendas. Ou seja, um negócio que traz resultados constantes e que precisa de apenas alguns ajustes semanais para continuar vendendo.

✔️ Audiência:

Essa é a hora de encontrar o seu público-alvo. Você vai saber onde estão as pessoas interessadas no produto que escolheu para vender e como fazê-las se tornarem clientes fiéis e recorrentes. Esse é o público que vai comprar de você várias e várias vezes.

✔️ Atendimento:

Depois de encontrar o público certo, você vai aprender como se antecipar às dúvidas dos clientes, sanar possíveis problemas e criar modelos de respostas prontos para otimizar seu tempo. Aqui, você vai entender como se comunicar com o cliente e garantir a satisfação e a fidelidade sem dedicar horas para resolver problemas.

✔️ Vendas:

Nesse ponto, você aprender a criar um plano de vendas para o seu negócio. O processo consiste em definir a sua meta, quanto você quer receber no fim do mês, e construir uma rotina simples para alcançá-la.

✔️ Impulsão:

No último módulo, você vai entender como impulsionar as vendas. Ou seja, vai aprender a dar velocidade e potencializar os resultados do seu negócio. Quando chegar a essa etapa, você já estará vendendo regularmente, com uma estrutura de vendas mais ágil, eficiente e lucrativa.

Esse é o método que tem sido utilizado por empreendedores de todo país para criar e alavancar negócios simples e automatizados de vendas de produtos dos mais variados nichos. E já ajudou mais de 20 mil empreendedores a criarem seus negócios do zero. E eu vou te “dar” 300 reais para começar seu negócio HOJE! O Treinamento Ecommerce do Zero é vendido normalmente a  R$997,00. Mas, se você tomar decisão de começar HOJE, vai ter uma oportunidade única. Ao invés de investir o preço cheio…

R$ 997

Vai poder se matricular por apenas 12x 67,91

(ou 697 à vista)

Ou seja… você vai ter até 300 reais de desconto para se matricular HOJE e ter acesso total ao treinamento. Aproveite essa oportunidade e construa um negócio sólido e lucrativo, capaz de faturar até 10 mil em 90 dias. Comece o seu Ecommerce do Zero com acompanhamento de toda a equipe do Ecommerce na Prática.

Além de todo o material oficial do curso – que você já teve uma prévia aqui -, eu preparei e incluí também uma série de bônus incríveis que vão facilitar ainda mais a sua entrada nesse novo mundo.

Confira abaixo a lista de bônus que você irá ganhar:

Lista Exclusiva Dos Melhores Produtos Para Vender Online:

Nesta lista exclusiva, você vai ter acesso a produtos de alta demanda para vender todos os dias, sem precisar se preocupar com estoque encalhado.

R$197,00

Treinamento Mercado Livre Do Zero:

Com este conteúdo, você vai conseguir vender diariamente no maior marketplace do país, atingindo o título de Mercadolíder em pouquíssimo tempo.

R$497,00

Masterclass Como Encontrar E Negociar Com Fornecedores:

Encontrar bons fornecedores não é um trabalho fácil… E, nessa aula exclusiva, você vai aprender estratégias de busca para encontrar os melhores fabricantes de seus produtos.

R$197,00

Masterclass Precificação:

Chega de vender com pouca margem de lucro! Essa aula completa vai te mostrar o cálculo exato para obter o máximo de rentabilidade possível em suas vendas e nunca mais errar no preço dos seus produtos.

R$197,00

Monte o seu Ecommerce totalmente do Zero com acompanhamento da equipe do Ecommerce na Prática

Para garantir seu acesso, o processo é muito simples:

1- Clique no Botão Abaixo.
2- Você será direcionado para uma pagina 100% Segura.
3- Preencha na página suas informações de pagamento.
4- Receba um email com os dados de login e senha para acessar às aulas.

Asset 3@4x

© Copyright 2015 – 2020 Viver de Ecommerce Negócios Digitais Ltda Todos os Direitos Reservados

Ao abordar questões financeiras de qualquer um dos nossos produtos, sites, vídeos, palestras, programas ou outros conteúdos, fazemos todos os esforços para garantir que estes representem fielmente nossos treinamentos e sua capacidade de crescer o seu negócio e melhorar sua vida. No entanto, não garantimos que você conseguirá obter quaisquer resultados ou ganhar qualquer coisa usando uma de nossas ideias, ferramentas, estratégias e recomendações. Não existem em nossos sites, promessas ou garantias para você de ganhos futuros, toda e qualquer afirmação similar a isso, trata-se de uma possibilidade, não uma certeza. VOCÊ CONCORDA QUE O USO OU INCAPACIDADE DE USO DO PRODUTO É POR SUA CONTA E RISCO. Ao adquirir qualquer produto, você aceita, concorda e entende que você é totalmente responsável por seu progresso e resultados de sua participação e que nós não oferecemos nenhuma garantia ou garantias verbal ou por escrito sobre seus ganhos, o lucro do negócio, o desempenho do marketing, o crescimento da audiência ou resultados de qualquer tipo. Você é o único responsável por suas ações e resultados na vida e negócios que dependem de fatores pessoais, incluindo, mas não necessariamente limitado a sua habilidade, conhecimento, habilidade, dedicação, conhecimento de negócios, rede e situação financeira, para citar apenas alguns. Você também entende que qualquer depoimento ou aprovações emitidas por nossos clientes ou público representado em nossos programas, sites, páginas ou ofertas não promessas de resultados, tratam-se de resultados experimentados pelos indivíduos e podem variar significativamente. Quaisquer declarações descritas no nosso websites, programas, conteúdos e ofertas são simplesmente nossa opinião e experiência, portanto, não são garantias ou promessas de desempenho posterior.